sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Não terás outros deuses antes de Mim

“Não terás outros deuses antes de Mim.” Êx 20.3

Paz e graça a todos os visitantes do blog marcosgamamv, espero que estejam sendo edificados com as postagens que tenho pela graça de Deus publicado.

Há alguns dias quando estava fazendo minha leitura devocional da Palavra e li este texto, gerou em meu coração o desejo de escrever algo sobre está passagem, onde Deus evoca para si a atenção de Israel que havia acabado de sair do Egito, anunciando que só há UM DEUS.

O período em que Israel viveu no Egito teve contato com vários “deuses” egípcios[1] como: - Sol (principal deus da religião egípcia); Toth - sabedoria, conhecimento, representante da Lua; Anúbis - os mortos e o submundo; Bastet - fertilidade, protetora das mulheres grávidas; Hathor - amor, alegria, dança, vinho, festas; Hórus – céu; Khnum - criatividade, controlador das águas do rio Nilo; Maet - justiça e equilíbrio; Ptah - obras feitas em pedra; Seth - tempestade, mal, desordem e violência; Sobek - paciência, astúcia; Osíris - vida após a morte, vegetação; Ísis - amor, magia; Tefnutnuvem e umidade, Chu - ar seco, luz do sol; Geb – terra. O povo de Deus durante aproximadamente 430 anos nasceram e morreram vendo essas divindades sendo adoradas e preservadas, porém agora são convocados ao entendimento real do que é ser UM DEUS, ou melhor, o ÚNICO DEUS.

O Senhor chama Israel a exclusividade, chama a uma separação, isto é, uma consagração Ao ÚNICO DEUS, do qual os deuses do Egito não conseguiram livrar a faraó e seus súditos. Agora Israel precisa deixar que esta verdade seja inserida dentro de seus corações, de suas almas, cultura, vida social, civil, militar, familiar, ou seja, em todos os setores da vida dos israelitas. Uma verdade que jamais poderia ser esquecida e muito menos CONFRONTADA.

Porém a história do povo Hebreu no Antigo Testamento está carregada exatamente do abandono desta assertiva e a entrega maligna a outros deuses. Todos os setores da vida do povo foram corrompidos, os profetas, sacerdotes, reis, e como não poderia deixar de ser o povo em si desaba na idolatria, negando a verdade máxima da Torah, NÃO TERÁS OUTROS DEUSES DIANTE DE MIM.

Isso levou o povo de Deus ao cativeiro Assírio em 586 a.C e Israel em 722 a.C pelos Babilômicos. Veja que a quebra deste princípio trouxe no passado muitas dores e perdas, aqueles que detinham a promessa, que receberam os milagres e as bênçãos, que foram agraciados com tantas maravilhas, como disse o profeta Jeremias “Porque o meu povo fez duas maldades: a mim me deixaram, o manancial de águas vivas, e cavaram cisternas, cisternas rotas, que não retêm águas.”
Jr 2.13

Israel enfrentou um cativeiro de 70 anos na Babilônia, onde foram humilhados e deixaram sua esperanças nas margens do Rio Quedar. Apesar das profecias de Jeremias e de Ezequiel quanto ao retorno, mas as maravilhas de Jerusalém estavam no passado, até que O Senhor lembrou-se deles novamente trazendo-os de novo através do decreto de Ciro e do retorno a Israel com Zorobabel, Esdras e por fim Neemias.

Mas, e hoje, quais são as implicações que este princípio denota? Será que esta asseveração é verídica ou temos que entender que há vários deuses e que O Deus Hebreu é apenas mais um? Bem, pensar assim mostra que há uma influencia do pensamento relativista em voga em muitos corações. CERTAMENTE, só há um ÚNICO DEUS, porém muitos hoje como nos dias do Israel antigo entregam seus corações ao deus deste século, afrontando Ao Senhor Deus.

Hoje como no Egito o povo de Deus está envolto com muitos deuses como: a sexualidade desenfreada, a feitiçaria, a egolatria, endonismo, vãs filosofias, mamom, ou seja, estão tirando Deus do centro e colocando criaturas ou mesmo as próprias pessoas como deuses. O pior é quando no meio do povo de Deus pessoas alegam esta mensagem dizendo que somos deuses também.

Minha pergunta é quem é o seu Deus? A quem sua alma reporta em meio às angustias, ou melhor, a quem sua alma clama quando você está bem, quando você está desfrutando de momentos felizes, quem é o primeiro em sua lista de convidados para as festas de sua vida? O Senhor certa vez disse “Pois onde estiver o seu tesouro, aí também estará o seu coração. Mt 6.19, de quem é o teu coração. QUEM É O SEU DEUS?

Não deixe que sua idolatria lhe leve cativo para as babilônias da vida e por fim a morte. Entronize O Senhor Deus em seu coração crendo em Jesus Cristo. Guarde este princípio no seu coração “Não terás outros deuses antes de Mim.” Êx 20.3

Nenhum comentário: