segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

A vitória é nossa pelo sangue de Jesus!

Esta frase é muito conhecida e usada pelo então Ministro do Evangelho Rev. Gesiel Gomes, e retrata o real motivo da vitória da Igreja.

Bem inicio este post, agradecendo a Deus pela vida dos irmãos da Assembléia de Deus Ministério de Madureira que tem a frente o Pastor Macêdo ladeado por seus auxiliares incasáveis na luta pelo Reino do Mestre Jesus.

Estivemos pregando dias 26 e 27 / 02/ 2011, sabado e domingo em uma campanha abençoada, marcada pela presença de Deus em uma unção muito poderosa de restauração e salvação.

Ministramos um tema em duas mensagens, entendemos que para se fazer a diferença é necessário relacionamento e confiança. Estes foram os temas ministrados.

Agradeço ao meu Senhor Jesus por sua bondade em nos abençoar com sua presença!

A Deus toda a honra e glória para sempre.

Marcos Gama

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Barnabé o líder

Ultimamente estou lendo um bom livro sobre liderança cristã, e ao pensar no tema me veio a figura do apóstolo Paulo, porém pensando sobre o missionários aos gentios, pude perceber a presença de outra pessoa que muito o ajudou, mas pouco se fala sobre ele. Assim este post será dedicado ao "filho da consolação", pois ao meditar sobre a vida dele pude perceber um grande exemplo de líder. Então vejamos quem era Barnabé?

"Então José, cognominado pelos apóstolos,
Barnabé (que, traduzido, é Filho da consolação), levita, natural de Chipre," At 4.36

O texto acima é muito sutil sobre o nosso personagem, então me atrevi a pesquisar na internet e encontrei o seguinte:

"Barnabé é um dos primeiros profetas e professores da igreja em Antioquia (Atos 13:1). Lucas fala dele como um "bom homem" (Atos 11:24). Ele nasceu de pais judeus, da tribo de Levi. Sua tia era mãe de João Marcos (Colossenses 4:10), amplamente reconhecido como o autor do Evangelho de Marcos.

Barnabé era natural de Chipre, onde possuía terras (Atos 4:36-38), que vendeu, doando o dinheiro para a igreja em Jerusalém. Quando Paulo regressou a Jerusalém, depois de sua conversão, Barnabé o levou até os apóstolos (Atos 9:27). É possível que eles tenham estudado juntos na escola de Gamaliel."

Caso tenha ficado curioso sobre o restante veja o seguinte link: http://pt.wikipedia.org/wiki/Barnab%C3%A9_%28B%C3%ADblia%29

Minha missão não é fazer um levantamento exaustivo sobre Basnabé, mas o que me chamou a atenção estes dias.

Quando começei a meditar sobre liderança, não pude deixar de pensar nas lideranças modernas, seus livros e conceitos. Muitas lideranças de renome no Brasil explicam sobre suas estratégias de liderança, mas o que vemos é muito depotismo e intolerância, quem está em eminência não sede lugar para os outros, ou seja, não há líderes para o Reino de Deus e sim para o seu próprio reino.

O que me intriga com Barnabé é que foi ele que ajudou ao recente conerso Saulo de Tarso a se chegar a comunidade cristã, a qual estava acuada com sua perseguição. Vemos Barnabé ajudando o futuro missionário em seus primeiros dias de fé, ou seja, Barnabé é a referência de padrão cristão para Paulo. Ele tinha um certo status na igreja que possibilitou o recebimento de Paulo como irmão.

Paulo se retira de campo e vai agora meditar em sua nova vida, Barnabé continua em sua missão, quando em certa ocasião, vemos Barnabé indo a procura de Paulo para lhe ajudar na mais nova congregação e Paulo prontamente o segue, vemos que atá aqui Paulo serve de ajudante para Barnabé.

Em outra cena vemos o Próprio Espírito Santo comissionando Barnabé e o agora Paulo de Tarso para uma obra preparada especialmente para os dois. Porém se percebe que aos poucos Paulo vai ganhando notoriedade e Barnabé para de ajudado para ajudante. É neste momento que vemos um grande exemplo de Líder. Barnabé não brigou por seu cargo, não sugestionou que Paulo estivesse querendo ser melhor do que ele, mas como um homem de Deus sobe reconhecer uma chamada, soube ser canal de Deus para seu Reino e não para seus interesses.

Barnabé soube fazer um obreiro e no momento certo soube passar o cajado.

E hoje, será que os líderes podem fazer o mesmo?

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Seja um verdadeiro pescador

Cristo foi enfático quando disse: “vinde após mim, e vos farei pescadores...”. Irmãos somente aqueles que tiveram uma experiência real com Cristo é que pode ser um evangelizador. Existem os pescadores de final de semana, existem pescadores por temporada, mas existem pescadores que vivem para a pesca, esses são os verdadeiros pescadores, profissionais da pesca, conhecem todas as artimanhas do oficio, são aqueles que têm experiência no assunto e somente esses podem ensinar outros a pescar e muito mais, eles conseguem pagar os peixes.

Muitos simplesmente não crêem no amor Deus, apesar de estarem nas igrejas e até ocuparem cargos no ministério, pessoas religiosas, mas que não são cristãos autênticos. Jesus sempre bateu muito forte contra a hipocrisia daqueles líderes religiosos que só queriam a glória, mas não queriam o Deus da glória. Somente verdadeiros cristãos que vivem uma vida de entrega ao Senhor podem falar de Jesus para os outros, pois esses podem relatar a sua experiência pessoal.

É por isso que muitos crentes têm vergonha de evangelizar, pois sua conduta não dá o credito necessário a sua pregação. Certo provérbio oriental diz: “O que você faz fala tão alto, que não consigo ouvir o que você diz.”

Texto retirado da Apostila "Capacitação sobre Evangelismo e Discipulado" de Marcos Gama

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

O reflexo da Fé

“Pois, se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe, e amanhã é lançada no forno, não vos vestirá muito mais a vós, homens de pouca fé? Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos ou que beberemos, ou com que nos vestiremos? (Porque todas estas coisas os gentios procuram). De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas; Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” Mt 6.30-33.

“Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á. Porque, aquele que pede, recebe; e, o que busca, encontra; e, ao que bate abrir-se-lhe-á.” Mt 7. 7-8

Quando falamos de fé, devemos entender que segundo a Bíblia, há pelo menos quatro tipos de interpretação para a palavra fé, tem a fé tida como natural, que seria aquela que todos teen, a fé de passar no vestibular, fé em ganhar na loteria etc. Há ainda fé como fruto do Espírito que trás o sentido de fidelidade a Deus, de vida transformada, tem a fé quanto a religião, por exemplo Paulo pergunta como vão os irmãos de fé, ou seja de confissão religiosa, e por fim a fé como dom do Espírito Santo registrado em I Corintios 12, o qual relata sobre os dons do Espírito Santo. A fé é definida como a confiança que o crente deposita nas promessas feitas pelo criador.

O mundo hoje sofre muito sem ter em quem confiar, somos traídos todos os dias e fica difícil devotar confiança em alguém, mas o crente sabe que existe um em que pode confiar e precisa mostrar sua fé para que as pessoas vejam que há um Deus que ouve e responde as nossas orações. A Fé vence o mundo, não temos uma fé cega, pois sabemos em quem temos crido.

O Crente deve mostrar a sua fé confiando no Senhor, independentemente das circunstâncias adversas da vida, precisamos crer que O Senhor está no controle de tudo. Crer que nossas orações são ouvidas e respondidas, isto é fé.

Precisamos de atitudes de fé, estas nos dão vitórias, pois é pela fé que agradamos a Deus, quando temos uma atitude de fé mostramos que temos total confiança no Senhor e logo as pessoas verão o quanto Deus trabalha por aqueles que Nele esperam e desejaram ter a mesma intimidade que temos.

Muitos já não crêem no arrebatamento, em milagres e muito menos na providência de Deus. Hoje muitos depositam sua fé no seu trabalho, no seu amigo influente, no seu plano de saúde, nas grades que cercam sua casa. Começam a dar credito as teorias humanas acerca da evolução das espécies e deixa de crer que Deus é o criador de todas as coisas, mas a bíblia diz que só há verdadeira segurança, saúde e prosperidade vivendo em Deus e para Deus, O grande construtor e arquiteto do universo.

Há um clamor divino para com a humanidade, quando Cristo diz: “... Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra?” Lc 18.8b. Como está sua fé? Não permita que o mundo, nem satanás e a carne roubem o maior bem que Deus te deu, lute, receba e pratique o conselho que está escrito na epistola de Judas “Amados, procurando eu escrever-vos com toda a diligência acerca da salvação comum, tive por necessidade escrever-vos, e exortar-vos a batalhar pela fé que uma vez foi dada aos santos.” Jd 3

Deixe Deus se manifestar através de você, não permita que o desanimo reine em seu coração, mas receba renovo da parte do Senhor e viva uma vida de fé, deixe este reflexo de Deus atingir todos que estão ao seu redor, e Deus receberá a glória.

Que Deus o abençoe em Cristo!!!

Se gostou ou não deixe um comentário.

Texto retirado da apostila "Os sete Reflexos da Luz" de Marcos Gama