segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Os 5 presentes que Jesus deseja que recebemos neste natal.

Paz e graça, 

Mais uma celebração "natalina" esta chegando, os corações são motivados pelas ceias, festas, confraternizações e presentes, muitos presentes. Eles tem a missão de expressar nosso carinho, amizade, afeto, consideração e por ai vai. Para muitos o "natal" se resume em dar e receber.

Falando de presentes, de demonstração de afeto e amor, Jesus conquistou e adquiriu presentes para todos os seres humanos. Deus em sua misericórdia disponibilizou estes presentes por Cristo. Então vejamos quais são estes presentes e como adquiri-los.

1º Presente: O presente da ESPERANÇA - Lc 2.8-14

Ora, havia naquela mesma comarca pastores que estavam no campo, e guardavam, durante as vigílias da noite, o seu rebanho.  E eis que o anjo do Senhor veio sobre eles, e a glória do Senhor os cercou de resplendor, e tiveram grande temor.   E o anjo lhes disse: Não temais, porque eis aqui vos trago novas de grande alegria, que será para todo o povo:  Pois, na cidade de Davi, vos nasceu hoje o Salvador, que é Cristo, o Senhor.  E isto vos será por sinal: Achareis o menino envolto em panos, e deitado numa manjedoura.   E, no mesmo instante, apareceu com o anjo uma multidão dos exércitos celestiais, louvando a Deus, e dizendo:   Glória a Deus nas alturas, Paz na terra, boa vontade para com os homens.
Quando olhamos para o momento histórico desta passagem, entendemos a necessidade deste presente. Quando Jesus nasceu, Israel era dominado pelos romanos, este império dominou o mundo por quase 400 anos, assim o povo Judeu sofria muito devido as constantes revoltas e mortes por crucificação e por outros modos, trazendo desespero e muita indignação. O povo Judeus sofria e esperava que o Messias prometido viesse e os libertasse daquela escravidão e devolvesse a sua liberdade. Todavia, a liberdade esperada pelos Judeus era uma liberdade política/territorial, mas Deus tinha outros propósitos de liberdade.
Porém, quando Jesus nasceu e nos céu os anjos anunciavam sua chegada, brotou dentro do coração, inicialmente dos pastores de Belém um sentimento renovador, uma sentimento que levantaria suas cabeças e promoveriam uma renovação de vida. Quando você está desesperado e injustiçado somente a ESPERANÇA pode renovar as forças. Jesus veio e no seu nascimento renovou as forças e o desejo de mudança do povo Judeus e este presente esta disponível para você também.
2º Presente: O presente do AMOR -  Jo. 3.16 / Rm 5.8

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores.

Amor, um sentimento que ultimamente tem perdido seu significado. Amar hoje se traduz por fazer sexo, dar tudo o que o filho quer, aceitar e concordar com o erro de alguém, ser conivente com situações erradas. 
A Bíblia diz que Deus é amor, isto é, o amor procede de Deus, Ele é a origem do verdadeiro amor, este por sua vez não está de mãos dadas com o erro ou o aceitar de situações erradas, pois o amar tem como base o bem, assim o amor não pode se apoiar no mal.
Deus ama todos os seres humanos, mas jamais irá concordar com seu atos errados. O amor não anula a justiça, na verdade o amor colabora com a Justiça de Deus. 
Enquanto a justiça de Deus condena o pecador, seu amor o condiciona a perdoá-lo. O amor promove perdão, mudança, crescimento e principalmente harmonia em com Deus e paz de espírito.
Este presente do amor incondicional de Deus está a sua disposição também.

3º Presente: O presente da FÉ - Ef 2.8

Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.

Existe na narrativa bíblica vários significados para o termo fé. Temos a fé natural que qualquer pessoa tem como a fé de conseguir um bom emprego, a fé de passar no vestibular ou mesmo no exame nacional para habilitação, dentre outros. A fé também, segundo a bíblia, pode ser um dom, este por sua vez promove ao crente uma fé no sobrenatural que o leva "pela fé" a realizar em nome de Cristo feitos extraordinários como curas, milagres, prodígios e maravilhas. O outro sentido pela palavra fé é CONFIANÇA. Na leitura deste comentário vemos que a fé é o meio pelo qual conseguimos a nossa salvação, essa por sua vez não vem das obras, ou mesmo do bom comportamento ela vem mediante a confiança que temos  no sacrifício vicário de Cristo. Este dom é conseguido mediante o ouvir a Palavra de Deus.

Este presente está a sua disposição também.

4º Presente: O presente da SALVAÇÃO - Lc 19.10

Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido.

O natal é uma festa tão bonita e esperada pelo fato de Cristo ter vindo ao mundo, ou seja, a salvação tão esperada estava agora ao alcance de todos os seres humanos. O próprio Deus desceu do céu para buscar a todos que estão feridos pelas consequências de seus pecados. Assim como um pai vai a procura do filho que chora na rua, Deus desceu do céu a procura dos seus filhos de criação que caíram. Jesus deixou tudo por amor do ser humano e Deus veio nos buscar para vivermos para sempre com ele no lar celestial.

Este presente também está a sua disposição.

5º Presente: O presente da VIDA ETERNA - Jo 5.24

Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida.

Todos sabem que nossa vida nesta dimensão física é passageira. Um dia o nosso dia chegará e deixaremos nossos sonhos, desejos, projetos, famílias, relacionamentos, negócios e bens para trás. Restará apenas você e a eternidade. Deus amando você e tendo enviado seu filho para te salvar preparou uma morada nos céus e espera ansiosamente por sua chegada. A vida eterna é o presente final de Deus para nós. 

Este presente está a disposição de todos.

Conclusão:

Todos estes presentes estão a disposição de todos os seres humanos, porém nós não os encontraremos debaixo de uma arvore de "natal". Estes presentes estão aos pés do calvário e somente lá, depois de nos despojarmos de todos os nossos preconceitos e orgulho e nos ajoelharmos aos pés da cruz  e solicitarmos ao Cristo que nos entregue gratuitamente estes presentes.

Cristo está a espera das solicitações, peça a Ele seus presentes e desfrute da maravilhosa dádiva do novo nascimento.



quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Série Caráter Cristão – Servos do Reino

“Quando teu irmão hebreu ou irmã hebréia se vender a ti, seis anos te servirá, mas no sétimo ano o deixarás ir livre.  E, quando o deixares ir livre, não o despedirás vazio. Liberalmente o fornecerás do teu rebanho, e da tua eira, e do teu lagar; daquilo com que o Senhor teu Deus te tiver abençoado lhe darás.  E lembrar-te-ás de que foste servo na terra do Egito, e de que o Senhor teu Deus te resgatou; portanto hoje te ordeno isso. Porém se ele te disser: Não sairei de ti; porquanto te amo a ti, e a tua casa, por estar bem contigo;  Então tomarás uma sovela, e lhe furarás a orelha à porta, e teu servo será para sempre; e também assim farás à tua serva.” Dt 15.12-17

É notório para todo cristão que Jesus durante seu ministério terreno, ele tinha como propósito trazer o Reino de Deus aos homens como podemos ver no seguinte versículo “E, depois que João foi entregue à prisão, veio Jesus para a Galiléia, pregando o evangelho do reino de Deus,” Mc 1. 14. Como todo reino, há um único soberano no Reino de Deus, sendo assim, todos os outros cidadãos deste Reino são servos e como tais devem “servir” com tudo o que eles têm. Quando falo de servir com o que eles têm não me refiro apenas com seus bens financeiros, mas principalmente com suas vidas.

Qual o significado da palavra “escravo”, “servo” nos originais? No Novo Testamento grego, a palavra mais usada é δουλος (doulos) que vem da palavra δεω (deo) que significada “atar um laço, prender, atar, prender com cadeias, lançar em cadeias.” A palavra δουλος (doulos), então, significa “escravo, servo, homem de condição servil, (metáf.), alguém que se rende à vontade de outro; aqueles cujo serviço é aceito por Cristo para estender e avançar a sua causa entre os homens. Assim, δουλος (doulos) é a palavra comum para escravo, alguém que está permanentemente em servidão, em sujeição a um mestre.

Fonte: http://bibliotecabiblica.blogspot.com.br/2013/03/escravo-servo-original-hebraico-grego.html

O verdadeiro servo de Deus sabe que TODA sua vida deve estar a disposição de Deus, que não pode haver reservas para o quesito obediência, todavia esta obediência não é cega e nem muito menos idolatra, pois este mesmo servo deve conhecer bem a voz do Seu Senhor, o qual não é um ditador, mas um Senhor amoroso e fiel.

Existem dois tipos de servos, o servo que trabalha por obrigação, isto é, ele é cobrado e só trabalha por necessidade ou obrigação, moral ou financeira. Porém há o servo que trabalha por amor e ainda que necessite de seu sustento, ele ama servir a seu senhor e de todo o coração se dedica a ele.

No texto Bíblico acima retrata bem esta situação. No Israel antigo era comum um israelita ser servo de alguém, ou porque lhe devia algum dinheiro ou porque não tinha como se manter. Na primeira situação o servo serviria seu irmão por no máximo seis anos e posteriormente seu senhor deveria despedi-lo, pois ele já havia quitado sua dívida. No entanto o texto mostra que havia uma situação onde  o servo era tão bem tratado por seu senhor, que ao chegar o final dos seis anos, este servo não ia embora, pelo contrário ele solicitava que seu senhor o deixasse ficar com ele devido seu bom tratamento. Assim, seu senhor o levava para os anciãos da cidade e declarava a vontade do seu servo, o qual tinha a orelha furada como sinal de sua submissão voluntária a seu senhor.

Este senhor era responsável pelo sustento, proteção e cuidado, ou seja, todas as necessidades básicas do servos seriam supridas por seu senhor, em contra partida este servo estaria a disposição para realizar as ordens de seu senhor. Um servo não questiona, não retruca, é submisso e ágil para trabalhar sem reservas e apto para toda a obra. O servo não escolhe o que vai fazer, mas está a disposição do que for ordenado. O verdadeiro servo não coloca obstáculo para o trabalho. O servo tem necessidades pessoais, porém as ordem do seu senhor está acima delas, pois ele sabe que seu senhor providenciará tudo.

Esta é a atitude do verdadeiro servo de Cristo. A verdadeira submissão ao Senhor Jesus não é derivado do medo, nem mesmo pelo debito devido por seus pecado, mas o servi a Cristo é mediante o seu amor que nos ampara, protege, sustenta, guia, comissiona, prepara, motiva, trata e principalmente anseia nos levar para morar eternamente com Ele em sua mansão celestial. Um Senhor que nos cobra pelo amor, que nos condiciona a tirar de dentro de nós que temos de melhor, que acredita em nossa vida ainda que nós mostremos nossas falhas e desatinos. Um Senhor que investe em nossas vidas, de tal maneira que promove situações de crescimento e desenvolvimento espiritual. Que mais podemos dizer deste Senhor que entregou sua própria vida por este servo indigno.

O servo de Cristo precisa viver para seu Senhor, não pode ter reservas, nem mesmo escolhas, ele precisa estar a TOTAL DISPOSIÇÃO DO SEU SENHOR, e isto acima de suas necessidades pessoais, pois ele mesmo sabe que, Seu Senhor é o supridor de todas elas, assim, este servo é marcado para servir, O CRENTE QUE NÃO SERVE COM TUDO O QUE TEM É PORQUE SEU SENHOR NÃO ESTÁ PLENAMENTE EM SEU CORAÇÃO.

Concluímos citando um dos homens que entenderam esta atitude de servo, Paulo que viveu para Seu Senhor e disse: “Portanto, meus amados irmãos, sede firmes,  constantes e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão” I Co 15.58

Analise sua vida cristã, que tipo de servo você é? É um servo que só trabalha por obrigação, ou um servo que trabalha por amor? Um servo que sempre coloca objeções para servir ou um servos que está totalmente à disposição? Um servo que vive com medo de seu senhor, ou um Servo que ama Seu Senhor de todo o coração?


Que tipo de servo é você?

Paz,


terça-feira, 18 de novembro de 2014

Série Caráter Cristão – Modelados Pela Palavra

Paz e graça a todos os visitantes do blog Marcos Gama MV, desculpe meu desaparecimento nas postagens, mas há momentos que precisamos de  reflexão e oração, onde Deus promove  aprendizagens e inspiração.

Bem, hoje Deus colocou no meu coração fazer uma série de postagens com o tema "Caráter Cristão" e com seus subtemas. Assim lhe convido durante este final de ano visitar mais este espaço para que possamos receber de Deus mensagens poderosas que transformarão para nossa vida e que nos projetem para 2015.

Então vamos a primeira postagem - Modelados Pela Palavra.

“Quem ama a disciplina ama o conhecimento, mas o que aborrece a repreensão é estúpido” Pv 12.1

Há muito que a igreja brasileira perdeu a real ideia do que é evangelho ou ser cristão. Vivemos uma inversão de valores onde os paradigmas foram esquecidos ou substituídos por preceitos filosóficos/humanistas, não preocupados com o bem coletivo, mas preocupado com seus próprios desejos. Todavia isso caracteriza a presente geração, pois Paulo escrevendo para Timóteo sobre os últimos dias ele descreve como seriam as pessoas nos últimos dias, ele disse “Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos,  Sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons,  Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus,  Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela.” 2 Tm 3.1-5b 

Analisando este panorama identificamos a ausência de conhecimento acerca do Evangelho de Cristo, sei que esta frase parece um tanto clichê, mas é uma verdade, pois apesar de muitos irem aos cultos semanalmente, ou mensamente e “ouvirem” uma exposição da Palavra de Deus, muitos não são transformado por estes ensinos, devido não abrirem o coração, ou melhor, não crerem que tal instrução é a Palavra de Deus ou que eles podem mudar suas vidas através da prática diária destes ensinos, preferindo alguma campanha, ou voto de sacrifício que possa “agilizar” o milagre.

No entanto a Bíblia sempre enfatiza que a transformação ou a bênção vem mediante ao agir transformador da Palavra de Deus. Não existe mudança, não existe bênção, não existe milagre sem que os preceitos de Deus possam estar arraigados no coração do homem. O Espírito Santo somente age dentro de alguém mediante o talhar dos preceitos divinos contidos na Palavra de Deus, por isso que no Salmo 1, que diz: “ BEM-AVENTURADO o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.  Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite.   Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará.  Não são assim os ímpios; mas são como a moinha que o vento espalha.”

Precisamos viver mediante os ensinos do Mestre Jesus, pois sabemos que estes ensinos são “espírito e vida”, o próprio Cristo certa vez ensinou a seus seguidores a solução para estar em pé em meio às tempestades da vida, Ele ensinou que: “Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha;  E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha.   E aquele que ouve estas minhas palavras, e não as cumpre, compará-lo-ei ao homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia;  E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e caiu, e foi grande a sua queda.  E aconteceu que, concluindo Jesus este discurso, a multidão se admirou da sua doutrina;   Porquanto os ensinava como tendo autoridade; e não como os escribas.” Mt 7. 24-29

Conhecer a Palavra e viver seus princípios é a única forma de desfrutar das maravilhosas bênçãos de Deus e principalmente saber como tê-las, assim o próprio Jesus certa vez disse aos seus discípulos Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam;” Jo. 5.39 Tudo começa com o conhecer a Deus através das escrituras.

Paz e graça!

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Mensagem - Paz com Deus

“Justificados, pois, mediante a fé, temos  paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.” Rm 5.1

Paz, essa é uma palavra desejadas por povos, línguas e nações. A necessidade de se ter um coração cheio de PAZ é buscada por todos os tipos de pessoas de todas as camadas sociais. Muitos já sabem que dinheiro não compra PAZ, festas e “curtições” não produzem PAZ, prostituições, adultérios não trazem PAZ.
Apesar de ser algo subjetivo a necessidade de PAZ é algo muito concreto e real. Mas qual a origem da PAZ? Onde ela se instala para que possa produzir traquilidade? Pois uma pessoa sem paz é uma pessoa em conflitos com sua alma, onde suas dores emocionais lhe atormentam.
A verdadeira PAZ vem da aproximação entre Deus e o homem através da justificação promovida por Cristo no calvário, essa justificação vem pela fé, por um acreditar no amor de Deus. Ao cremos nessa justificação ela nos promoverá uma relacionamento com Deus e ai vem a tão desejada PAZ, mas não qualquer aparente PAZ, estou falando da PAZ COM DEUS, que é a origem de toda a felicidade.

Marcos Gama


terça-feira, 26 de agosto de 2014

Virgília Cacimba do Povo - Aracati

Paz e graça!

No último dia 23 de agosto, estivemos mais uma vez na abençoada congregação de Cacimba do Povo, a qual tem como dirigente o Pb. Romeu Campelo e sua família, na vigília "Detonando Gigantes". Uma noite de muita unção e quebrantamento de Deus. Pessoas foram renovadas e mais uma vez sua fé foi fortalecida em Cristo.


Na paz do Mestre,


sexta-feira, 8 de agosto de 2014

CONSELHOS DE DEUS PAI PARA OS PAIS


Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.
 Pv 22.6

Todos nós precisamos de referências para as nossas vidas. Quem nunca se espelhou em um professor, atleta ou mesmo um heroi dos quadrinhos? Quem nunca assistiu a um filme sobre piratas, não brincou com os talheres de mesa como se fosse uma espada e usando o sofá da sala como um grande navio de piratas?

Todos nós temos, de uma forma ou de outra, a necessidade de olhar para um modelo e tentar imitá-lo. Assim acontece com os nossos filhos também, eles precisam de referências para iniciar sua jornada nesta vida tão difícil, e quem mais indicado para apresentar este mundo como os pais, ou melhor, o pai.

Por isso Deus como o Pai, também quer ser nosso referencial, ser a orientação universal para todos os seres humanos e tem os conselhos para que tenhamos uma vida realmente feliz. Então vejamos:

Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.

Essa é uma afirmativa que pode mudar a vida de uma criança e de uma família para sempre, “EDUCA A CRIANÇA NO CAMINHO EM QUE DEVE ANDAR;” , este versículo revela os conselhos do Pai eterno para nós, pais de família que necessitam de ajuda para educar e criar nossos filhos em um bom caminho.

1° Conselho – EDUCAR - SEJA UM PROFESSOR 

Educar é instruir, requer processo e relacionamento. Educar não é apenas repassar instruções, mas seguir o caminho junto com seus filhos, é mostrar como faz fazendo. Deus nos ensina a perdoar nos perdoando, Deus nos ensina a amar amando, Deus nos ensina a ajudar, ajudando a todos. Nossos filhos seguiram os modelos que mostramos para eles. Essa história de faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço não cola.
Precisamos educar:
·         O carater
·         As emoções
·         As decisões
·         As relações

2º Conselho – A CRIANÇA
Muitos pais deixam para educar seus filhos quando estes fazem alguma coisa errada na pré-adolescência ou mesmo na adolescência, porém durante a fase infantil a criança precisa ser DISCIPLINADA E ORIENTADA corretamente. Não adianta punir o erro, é melhor prevení-lo.
Converse com seus filhos, invsita tempo em seus sonhos e medos, colabore com seus desafios e principalmente ajude a confiar em você. Mostre o quanto você pode ajudá-lo principalmente lhe ouvindo e dando a atenção nececssária. Já diz uma frase  “EDUQUE UMA CRIANÇA E NÃO PRECISARÁ PUNIR O ADULTO”.

3º Conselho – NO CAMINHO – SEJA COMPANHEIRO DE SEU FILHO
Caminho na Bíblia fala de procedimento de vida, isto é, caminho segundo a interpretação bíblica significa o seu modo de vida. EDUCAR A CRIANÇA NO CAMINHO é orientá-la no bom proceder. Mas preste a atenção! Que caminhos você tem andado? Que atitudes você toma em situações de crise ou medo? Como é seu relacionamento com sua esposa, familiares ou amigos? Você haje com violência ou é educado? Você respeita e ensina a respeitar? Que caminho você estará trilhando com seus filhos? Este caminho pode definir como seu filho será no futuro. Seus filhos poderão ser uma

cópia sua, nós temos muito mais de nossos pais em nós do que pensamos.


4º - Conselho – EM QUE DEVE ANDAR
Não é todo o caminho que nossos filhos podem andar, diz a Bíblia um caminho que ao homem parece direito, mas o fim dele são os caminhos da morte.” Pv 14.12. Precisamos de um caminho que nos garanta segurança e vida, este é o próprio Jesus, Ele disse “Eu sou o caminho a verdade e a vida, ninguém vem ao Pai se não for por MIM.” Jo 14.6. Mostre para seus filhos um caminho seguro e verdadeiro, justo e confortador. Por onde você está andando? Que caminhos você está trilando? Este modo de andar seu poderá ser o do seu filho ou filha. Mostre como andar de forma digna em uma sociedade que necessita de menos violência e desamor. Precisamos de pais que mostrem que o diálogo e a paz em Deus é o único caminho para uma vida feliz.

5º - Conselho – E ATÉ QUANDO ENVELHECER NÃO SE DESVIARÁ DELE.
Que herança você deixará para seus filhos? Muitos se preocupam com o dinheiro ou terras que deixará para seus filhos, mas e a herança moral? O bom testemunho? Quando seu filho estiver com a sua idade, quais serão as referências que ele usará para educar os filhos dele? Será que hoje não é dia de investir em algo melhor do que dinheiro para o futuro de seus filhos?

Deixe uma herança de amor, respeito, sinceridade, dignidade, bom senso, serenidade, liderança, verdade e acima de tudo TEMOR A DEUS.

Conclusão
Neste dia dos pais guarde os conselhos da Palavra de Deus para você e para seus filhos e tenho certeza que em um futuro próximo você colherá muitos frutos bons.

Paz,