quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Valores Individuais X Valores Coletivos - Princípios Gerenciais de Cristo (Segunda Parte)

Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Mt 6.33

Paz do Senhor, a todos os nossos visita espero que a primeira postagem sobre este tema tenha contribuído com sua fé e visão do Reino de Deus. Hoje vamos dar continuidade a nossa aplicação dos princípios de gerenciamento de Cristo e acredito que O Senhor Deus lhe dará direcionamentos para sua vida familiar, acadêmica financeira e acima de tudo uma vida espiritual fortalecida em Cristo.

CONTINUAÇÃO

Segundo princípio é: APRENDER A MOTIVAR PESSOAS PARA UM OBJETIVO COMUM.

Em grupos heterogêneos, como direcioná-los há valores comuns e logo a objetivos comuns? QUANDO HÁ UM BENEFÍCIO COMUM QUE SATISFAÇA A INDIVIDUALIDADE?

Como?

Você pode estar se perguntando como eu vou despertar o desejo de trabalhar pelo coletivo e o lucro deste VALORIZAR a individualidade?

Precisamos entender que todos os componentes do grupo estão no grupo por causa de algo que ele deseja, quer seja uma nota no trabalho escolar, quer seja por dinheiro, posição, troféus, ou mesmo pela felicidade da família. Veja quem trabalha e se submete a regras e investimentos quer que algo em troca, assim quando formos motivar nossos colaboradores a viverem princípios únicos e trabalharmos focando em um único objetivo para o grupo. Temos que levar em conta que este grupo saiba realmente o que vão ganhar SE TODOS tiverem o mesmo forco.

Jesus disse: “...buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça...”quando eu busco O Reino é porque eu faço parte dele, quando busco a justiça deste Reino é porque esta Justiça será aplicada em mim também, ou seja, os benefícios deste Reino que, apesar de ter um Rei, será de todos. Esso entendimento nos motiva para que queiramos buscá-lo, nos esforcemos, nos apliquemos e invistamos nosso tempo e recursos, pois sabemos que eles serão disponibilizados para nós.

Tenhamos por exemplo nosso país, a maior carga tributária do mundo se encontra em nossa nação, porém o que mais dói não é nem tanto o pagamento, mas sim não termos retorno DIGNO do que estamos investindo. Se a qualidade dos serviços fosse da altura do que é cobrado teríamos orgulho de pagar, pois estaríamos recebendo.

Se quisermos que nossos colaboradores e parceiros de equipe se empenhem em guardar os princípios e motivarem-se uns aos outros e lutarem por alcançar benefícios coletivos eles precisam ver claramente o benefício que lhes aguarda.

Não queira ganhar tudo sozinho aprenda a criar parceiros de crescimento, aprenda a dividir os lucros e criar pessoas que desejem estar junto de você com a mesma visão.

Continua... 

Paz, 


Nenhum comentário: